No caso de sinistro de mercadorias, devo ou não pagar o frete?

Em caso de sinistros ou avarias de mercadorias, o frete referente àquele transporte é devido pelo embarcador, pois, é através da parcela de seguro contida no valor do frete que o processo de averbação é realizado, habilitando o transportador ao pleito do pagamento do sinistro.

Portanto, mesmo que a operação de transporte não tenha sido concluída por motivos alheios ao transportador, o valor do serviço (frete) é devido e não pode ser isento por evidenciar a contribuição requerida pela apólice de seguro (RCTRC ou RCFDC).